Eu vou

Imagem: Lisa Fotios
Whatsapp
Facebook
Twitter
Instagram
Telegram

Por CHICO ALENCAR*

Neste sábado eu vou dizer que na cidade ainda há Humanidade

Neste sábado eu vou, com muit@s, dizer que na cidade ainda há Humanidade.

Diante do oceano, lembraremos dos milhões que foram obrigados a atravessá-lo, encontrando doença e morte no caminho. E, aqui, sobreviventes, “argola, ferro, chibata e pau” – a injusta lei da coroa imperial.

Jogaremos nossas mágoas por diásporas e holocaustos, que insistem em não cessar, nas águas fundas do mar. Nas areias brancas da praia, ainda veremos vestígios do sangue da atrocidade, do espancamento: nosso continuado tormento.

Em frente ao quiosque, que devia ser espaço de confraternização e alegria, repetiremos que Tropicália não rima com barbárie. E que o manto sombrio e cruel da truculência não vai cobrir de vez a claridade do dia.

Ergueremos – simbolicamente, por ora; em concreto, arte e aço, depois – uma lápide, um marco, um monumento: aqui, onde a vida humana foi brutalizada, o povo do Rio repudia toda tortura e estúpido comportamento. Acolhida para cicatrizar a incurável ferida.

Não normalizaremos o preconceito, o racismo, o ódio, o armamentismo, a violência!

Neste sábado, 5 de fevereiro, somos tod@s Moïse, Durval Teófilo (assassinado por “parecer bandido”!!!) e tant@s – Evaldo Rosa, Kathlen Romeu, as crianças de Belford Roxo, as meninas de Glória do Goitá, centenas, milhares – cujo direito de viver foi e está sendo arrancado cotidianamente. Não é natural, ainda mais com amparo oficial!

Só organizando nossa indignação derrotaremos esse “espírito (maligno) de milícia”. Só unidos e mobilizados varreremos do mundo a opressão.

É neste sábado e sempre, no Rio e em muitas cidades do Brasil doente. É esperança e razão: no seu, no meu, no nosso machucado, mas ainda pulsante coração. O horror não prevalecerá.

*Chico Alencar é professor de história, escritor e vereador pelo Psol na Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

 

Veja neste link todos artigos de

10 MAIS LIDOS NOS ÚLTIMOS 7 DIAS

__________________
  • Como mentir com estatísticascadeira 51 18/05/2024 Por AQUILES MELO: Os números apresentados pelo governo federal aos servidores da educação em greve mais confundem do que explicam, demonstrando, assim, desinteresse na resolução do problema
  • A “multipolaridade” e o declínio crônico do OcidenteJosé Luís Fiori 17/05/2024 Por JOSÉ LUÍS FIORI: A defesa da multipolaridade será cada vez mais a bandeira dos países e dos povos que se insurgem neste momento contra o imperium militar global exercido pelo Ocidente
  • Razões para o fim da greve nas Universidade Federaisbancos 16/05/2024 Por TADEU ALENCAR ARRAIS: A nova proposta do Governo Federal anunciada dia 15 de maio merece debate sobre continuar ou não a greve
  • A hora da estrela – trinta e nove anos depoisclareice 20/05/2024 Por LEANDRO ANTOGNOLI CALEFFI: Considerações sobre o filme de Suzana Amaral, em exibição nos cinemas
  • A greve nas universidades e institutos federais não…caminho tempo 17/05/2024 Por GRAÇA DRUCK & LUIZ FILGUEIRAS: As forças de esquerda e democráticas precisam sair da passividade, como que esperando que Lula e o seu governo, bem como o STF resolvam os impasses políticos
  • A liberdade fake e o Marquês de SadeEugenio Bucci 18/05/2024 Por EUGÊNIO BUCCI: A liberdade fake, a liberdade sádica, que no fundo é a negação de toda liberdade, está levando o Brasil ao naufrágio total
  • De Hermann Cohen a Hannah Arendtcultura barcos a vela 18/05/2024 Por ARI MARCELO SOLON: Comentário sobre o livro de Miguel Vatter
  • A universidade operacionalMarilena Chauí 2 13/05/2024 Por MARILENA CHAUI: A universidade operacional, em termos universitários, é a expressão mais alta do neoliberalismo
  • O cavalo Caramelocavalo caramelo 15/05/2024 Por LEONARDO BOFF: Há que se admitir que nós não temos respeitado os direitos da natureza com seu valor intrínseco, nem posto sob controle nossa voracidade de devastá-la
  • Depois do dilúvioTarso Genro 20/05/2024 Por TARSO GENRO: Um cavaleiro apocalíptico, três negacionismos e muitos funerais

AUTORES

TEMAS

NOVAS PUBLICAÇÕES