A pauta da tarifa zero

Imagem: Josh Sorenson
Whatsapp
Facebook
Twitter
Instagram
Telegram

Por LUCIO GREGORI*

Breve comentário ao artigo recente de Tarso Genro

Tenho um breve comentário sobre o texto “Organização Política e Pressão Popular”, de Tarso Genro, postado no site A Terra é Redonda.

Entendo que o autor poderia considerar pautas que atendem desde longo tempo às novas condições políticas e sociais comentadas no texto. Tais pautas acabam por serem manipuladas pelo centro-direita e direita que percebem seu potencial de disputa política dos “de baixo” sem necessariamente estarem dispostos a implementá-las ou mesmo implementá-las, mas de modo, sobretudo, a beneficiar os empresários que estão passando por momentos difíceis, sobretudo pelos efeitos da pandemia de COVID.

Exemplo disso é a pauta da Tarifa Zero, discutida e debatida e mesmo implantada em alguns municípios menores, mas quase sempre à margem do que prescreve o artigo sexto da Constituição que estabelece o transporte como direito social desde 2015, sem nada ter sido feito para sua regulamentação. Existe, por exemplo a PEC 25, proposta pela deputada Luiza Erundina que estabelece essa regulamentação através da Tarifa Zero, da criação do SUM (Sistema Único de Mobilidade) e autorização para criação da CONUSV, contribuição, a ser paga, sobretudo, pelos automóveis pelo uso dos sistemas viários. Tal contribuição trará recursos vultosos nas grandes cidades que muito ajudarão no financiamento da Tarifa Zero. Mas o governo dito de esquerda desconhece solenemente essa pauta, que entre outras atende ao novo quadro político.

Esse é apenas um exemplo da necessidade das esquerdas terem novas pautas que não as tradicionais, que como mostra o texto estão em queda no quadro político atual. A direita, repito, parece já ter percebido isso.

Outro exemplo é a não mudança ou a plena discussão da questão tributária no país que, por exemplo, isenta dividendos e lucros de imposto de renda, mas cobra-o a 7,5%  a partir do salário de R$1903,98 !

E por aí vai, sendo que o ministro Fernando Haddad parece estar mais preocupado em chegar a um bom termo com “os de cima”.

Enfim, outras pautas podem ter o mesmo sentido da Tarifa Zero e atender a esse correto entendimento geral, feito por Tarso Genro, que tem meu respeito desde sempre.

*Lucio Gregori, engenheiro pela USP, foi secretário municipal de transportes no governo de Luiza Erundina.


A Terra é Redonda existe graças aos nossos leitores e apoiadores.
Ajude-nos a manter esta ideia.
CONTRIBUA

Veja neste link todos artigos de

10 MAIS LIDOS NOS ÚLTIMOS 7 DIAS

__________________
  • Sobre a ignorância artificialEugenio Bucci 15/06/2024 Por EUGÊNIO BUCCI: Hoje, a ignorância não é uma casa inabitada, desprovida de ideias, mas uma edificação repleta de baboseiras desarticuladas, uma gosma de densidade pesada que ocupa todos os espaços
  • A sociedade da história mortasala de aula parecida com a da história usp 16/06/2024 Por ANTONIO SIMPLICIO DE ALMEIDA NETO: A disciplina de história foi inserida numa área genérica chamada de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas e, por fim, desapareceu no ralo curricular
  • Franz Kafka, espírito libertárioFranz Kafka, espírito libertário 13/06/2024 Por MICHAEL LÖWY: Notas por ocasião do centenário da morte do escritor tcheco
  • Um olhar sobre a greve das federais de 2024lula haddad 20/06/2024 Por IAEL DE SOUZA: Com alguns meses de governo, comprovou-se o estelionato eleitoral de Lula, acompanhado do seu “fiel escudeiro”, o Ministro da Fazenda, Fernando Haddad
  • Carta ao presidenteLula 59mk,g 18/06/2024 Por FRANCISCO ALVES, JOÃO DOS REIS SILVA JÚNIOR & VALDEMAR SGUISSARDI: “Concordamos plenamente com V. Exa. quando afirma e reafirma que ‘Educação é investimento, não é gasto’”
  • A PEC-65: independência ou patrimonialismo no Banco Central?campos neto cavalo de troia 17/06/2024 Por PEDRO PAULO ZAHLUTH BASTOS: O que Roberto Campos Neto propõe é a emenda constitucional do almoço grátis para a futura elite do Banco Central
  • Retomar o caminho da esperançafim de tarde 21/06/2024 Por JUAREZ GUIMARÃES & MARILANE TEIXEIRA: Cinco iniciativas que podem permitir às esquerdas e centro-esquerdas brasileiras retomarem o diálogo com a esperança majoritária dos brasileiros
  • Chico Buarque, 80 anoschico 19/06/2024 Por ROGÉRIO RUFINO DE OLIVEIRA: A luta de classes, universal, particulariza-se no requinte da intenção construtiva, na tônica de proparoxítonas proletárias
  • Por que estamos em greve?estátua 50g 20/06/2024 Por SERGIO STOCO: Chegamos a uma situação de penúria das instituições de ensino federal
  • O melancólico fim do Estadãocarros abandonados 17/06/2024 Por JULIAN RODRIGUES: Péssima notícia: o quase sesquicentenário diário paulista ( e melhor jornal brasileiro) definha aceleradamente

AUTORES

TEMAS

NOVAS PUBLICAÇÕES